Mútua Rede de Reciprocidade

A Villa Verde Orgânicos, localizada em Viamão, é conduzida por Alessandra Coser, e tem na produção dos ovos orgânicos sua principal inserção nas feiras ecológicas de Porto Alegre. Suas aves são criadas soltas e seu bem estar é o principal foco.

Em geral o consumidor confunde muito o ovo caipira com ovo orgânico. O ovo orgânico é superior ao caipira porque as galinhas tem uma alimentação 100% orgânica diferente do ovo caipira onde as aves embora também criadas livres comem rações convencionais com milho e soja transgênicos cheio de estimulantes e produtos químicos.

Existe também a diferenciação dos tamanhos para a comercialização, pois há toda uma gama de variações. Embora o custo para manter as aves seja o mesmo tanto para o tamanho grande quanto para o tamanho médio, a Anvisa exige à prática desta diferenciação para fornecer ao consumidor a opção de escolha.

Outro aspecto de diferenciação é em relação ao ovo galado. Muitas pessoas dizem que o ovo galado é melhor entretanto não existe nenhuma comprovação científica disto. No caso dos ovos da Villa Verde, houve a opção pelo ovo não galado para proteger o cliente, pois um ovo sem refrigeração nas feiras exposto a temperaturas mais altas pode traz um risco de transformação. Há quem acredite que galinhas criadas com a presença de galos ficam melhores, mas existe divergências quanto a isto. Por observação e acompanhamento das aves, há separação das galinhas, que ficam muito mais tranquilas, menos machucadas e vivem melhor sem a presença dos galos.

Publicações Recentes